slide

0

Natal em família: FAIL!

| |

7 de dezembro de 2015




Natal em família: FAIL ¬¬’
“É véspera de Natal e toda família se encontra ansiosa pela ceia:
-Maria Flo(oooooooooooooooo)r! Maria Flo(oooooooooooooooo)r!
-Fala, vó!
-“Fala, vó?” – Tão indignada como quando descobriu que o David Luiz não era o Biro-Biro! – Fernando! É essa a educação que dá para sua filha? E o respeito? Ah, não! Não aceito essas coisas e...
-Tá, tá! Gritou a menina esse tempo todo pra quê? Eita mulherzinha CHATA! Acho que o dedo podre foi meu,não de sua filha. Haja saco, hein...
-Okay, gente!  Véspera de Natal, logo estaremos reunidos diante da mesa, agradecendo à Jesus Cristo por mais um ano e por toda a familia e...  – Olha que coisa, eu tento ser fofa!
-Tá, tá bom! Mas estava lhe chamando para perguntar sobre o que teremos para ceia.
-Ah,não. Vó, cê só PODE estar com algum problema! Olha essas mesas aí, várias coisas, fora o que as visitas trarão e...
-Visitas? Maria Flor, você disse “vi...vi...visitas?” – Tão indignada como quando descobriu que o Neymar não era o Hulk!
-Sim, vó. Visitas! Algum problema?
-Claro todos. Natal significa FAMÍLIA. FA-MI-LIA. Deu pra entender?
-Oh, velha. Para de ser falsa! Você tá preocupada de não sobrar comida pra você estocar na mala e levar pra Minas. – Aquele que chamo de Pai, ao invés de prestar atenção em sua decoração Natalina....
-Ah, Fernando, faça-me o favor! Uma mulher chiquérrima como eu, preocupada com sobras? Claro, a comida do avião não é lá das melhores, mas daí à estocar na mala? Que absurdo... – Estava tão indignada como quando descobriu que minha mãe esperava uma menina ao invés de um menino... Pois é! – Se bem que umas rabanadas na bolsa de mão não seria uma má ideia...
-MÃE! – Chegou a salvadora da Pátria, mamãe! – A senhora só pode estar de sacanagem!
-Minha filha, que vocábulo é este? Eu avisei ao seu Pai, que Deus o Tenha , que esse brutamontes que chama de marido não era uma boa influência! Mas não, eu sempre sou a chata e...
-Olha aqui: Você está em minha casa, na véspera de Natal, desrespeitando meu marido?
-Está, amor! Está sim, está sim!  - Meu pai aguardava ansioso a hora da expulsão...
-Meu neném! – Aí a velha pegou no ponto fraco – Só quero seu bem, filhota. Sabe que sua felicidade é a felicidade da mamãe.
-Oh, mãe! Me perdoe a grosseria, estou a noites sem dormir preparando a ceia, não aguento mais... Ah! – E começou o chororô – Não sabia que ser mãe era mais difícil no Natal.
-Você está vendo, minha filha? Quando mamãe dizia, reclamava, não era atoa! – O ar de superioridade e aquele nariz em pé, que é de Lei!
-Mas mãe, a Dn. Maria quem preparava nossa ceia. Você NUNCA fez nem a salada de alface do almoço de domingo!  - Voltamos à realidade...
-Gente, gente! Vamos parar com o Flashback , o importante é que mesmo cansada, mamãe preparou uma ceia deliciosa para nós... Tem como haver um pingo de consideração com ela? – Isso, Maria Flor!
-Meu Deus, eu tenho uma filha maravilhosa! Uma família maravilhosa, e...
-Ah, não. Filha, tudo bem você querer fazer um discurso de Natal, mas faça depois de pentear esses cabelos. Que absurdo! O que Jesus vai pensar? “Olha, aquela mulher ali foi uma mãe tão horrível!Não preparou a ceia da família,e nem ensinou a filha a se pentear!” – E sim, minha avó estava falando SÉRIO!
-Vó, cê tá de sacanagem, né?
-Tá vendo, Maria Flor? Se eu falo algo, “Ah, Fernando é isso, Fernando é aquilo...” Sua avó é uma bruxa, e hoje , só colocou o gorro do Papai Noel! Porque vou te contar, ô mulherzinha...
-Gente! Cadê o espírito Natalino? Esqueçam meu discurso; E mãe, já penteei os cabelos.Satisfeita? Vamos jantar!
E como já podem imaginar, a mesa do jantar foi perfeita!


Comente com o Facebook
0 Comente com o Google

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Quero saber sua opinião !